No sistema operacional Linux Ubuntu, existem diversas ferramentas com a função de desenhar gráficos matemáticos com precisão. Já mostrei aqui no blog o KmPlot, que é um excelente software que gera gráficos a partir de equações inseridas.
No sistema operacional Linux Ubuntu, existem diversas ferramentas com a função de desenhar gráficos matemáticos com precisão. Já mostrei aqui no blog o KmPlot, que é um excelente software que gera gráficos a partir de equações inseridas.

GraphMonkey: calculadora gráfica para o Ubuntu


Esta dica agora é sobre o GraphMonkey. Uma calculadora gráfica matemática bem simples e muito fácil de ser utilizada. Insira uma, duas ou três equações e aperte o botão Trace, uma janela abrirá com os gráficos com cores diferentes. Diferente do Kmplot, o GraphMonkey não é muito personalizável, mas ainda sim uma ótima ferramenta.

    Características

    • Software é escrito em C# com o GTK#; 
    • Multi-plataforma: ele funciona em GNU/Linux e Windows; 
    • Idiomas: Inglês e Francês; 
    • Interface do usuário Gnome; 
    • Está sob a licença GPL; 
    • 43,8 KB para baixar, 160 KB quando instalado (Ubuntu)

    Instalação/Download

    Linux

    Via terminal

    sudo apt-get install graphmonkey

    Ou pesquise por GraphMonkey na Central de Programas do Ubuntu.

    Windows
    Escolha um dos servidores abaixo para fazer download.


    Edigley Alexandre

    Edigley Alexandre

    Graduado em Matemática pelo DME na UERN em 2007, leciona Geometria, Matemática e Física. Blogueiro Part-Time desde 2007. Membro do Google+ Create em Português. Seu interesse é compartilhar conhecimento matemático interligado à Tecnologia da Informação e Comunicação, assim como artigos de opinião sobre Educação, Matemática e Educação Matemática.

    Os comentários serão moderados pelo autor do blog. Respondo todas as segundas-feiras, terças-feiras e finais de semana.

    É muito bom ler comentários, porém atente para algumas regras muito importantes antes de enviar a sua colaboração para este artigo.


    Comente este artigo:

    0 comentários: