O planejamento de um orçamento familiar, a criação de planilhas de gastos mensais, a abertura de uma poupança, os cálculos de juros de financiamentos ou rendimentos em aplicações, por exemplo, farão parte das lições ensinadas nas salas de aulas das escolas públicas brasileiras a partir de 2012.
O planejamento de um orçamento familiar, a criação de planilhas de gastos mensais, a abertura de uma poupança, os cálculos de juros de financiamentos ou rendimentos em aplicações, por exemplo, farão parte das lições ensinadas nas salas de aulas das escolas públicas brasileiras a partir de 2012. Essa é a ideia do grupo que discute as estratégias para promover a educação financeira entre os brasileiros no governo federal.

Estudantes terão lições sobre finanças pessoais a partir de 2012

Desde o final de 2007, um grupo de trabalho com representantes do Banco Central, da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) – que coordena as discussões – da Secretaria de Previdência Complementar e da Superintendência de Seguros Privados trabalha para criar uma Estratégia Nacional de Educação Financeira. Além de traçar os conhecimentos da população sobre o tema, o objetivo era definir projetos que promovessem o assunto nas escolas.

O programa definido para trabalhar a educação financeira nas escolas possui um site para ajudar os interessados a conhecer melhor as propostas. São distribuídos às escolas parceiras – há projetos-piloto em diferentes Estados brasileiros – dois livros, um para o aluno e outro para o professor. Os educadores também puderam receber formação por meio da internet. A proposta é que o assunto passe não só pelas aulas de matemática, como também de história, ciências sociais e português.

Conteúdos:


Edigley Alexandre

Edigley Alexandre

Graduado em Matemática pelo DME na UERN em 2007, leciona Geometria, Matemática e Física. Blogueiro Part-Time desde 2007. Membro do Google+ Create em Português. Seu interesse é compartilhar conhecimento matemático interligado à Tecnologia da Informação e Comunicação, assim como artigos de opinião sobre Educação, Matemática e Educação Matemática.

Os comentários serão moderados pelo autor do blog. Respondo todas as segundas-feiras, terças-feiras e finais de semana.

É muito bom ler comentários, porém atente para algumas regras muito importantes antes de enviar a sua colaboração para este artigo.


Comente este artigo:

0 comentários: