O Brasil teve o pior resultado (57º lugar entre 65 países) em Matemática segundo o Programa Internacional de Avaliação de Alunos - PISA, a principal avaliação educacional do mundo. 

Mostrando preocupação com esse resultado o BID - Banco Interamericano de Desenvolvimento inovou lançando um projeto junto a secretaria de Educação de São Paulo.

O projeto é o "Tem mais Matemática", que está sendo aplicado no Estado de São Paulo desde o início do segundo semestre de 2011. Destina-se a alunos dos últimos anos da educação fundamental.

O programa combina a necessidade de apoio pedagógico dos alunos de baixo rendimento com a oportunidade para que estudantes de pedagogia desenvolvam uma prática profissional em seu período inicial de formação. O Tem mais Matemática oferece tutorias a cerca de 600 alunos de 7º e 9º anos. As sessões acontecem nas escolas depois do período de aulas normal, duas vezes por semana, durante o último trimestre letivo.

O programa ainda está em execução, mas parece promissor. No próximo ano poderemos constatar se esse modelo ajuda a diminuir a defasagem entre alunos com baixo e alto rendimento. Especialista em educação brasileiro Marcelo Perez Alfaro

Mais informações detalhadas visite a página do BID.

Conteúdos:


Edigley Alexandre

Edigley Alexandre

Graduado em Matemática pelo DME na UERN em 2007, leciona Geometria, Matemática e Física. Blogueiro Part-Time desde 2007. Membro do Google+ Create em Português. Seu interesse é compartilhar conhecimento matemático interligado à Tecnologia da Informação e Comunicação, assim como artigos de opinião sobre Educação, Matemática e Educação Matemática.

Os comentários serão moderados pelo autor do blog. Respondo todas as segundas-feiras, terças-feiras e finais de semana.

É muito bom ler comentários, porém atente para algumas regras muito importantes antes de enviar a sua colaboração para este artigo.


Comente este artigo:

0 comentários: