Ofertas em Destaque na Semana Black Friday
Validade: até 25/Novembro às 23h59

O desafio matemático de número 23, é sobre senhas. Contas bancárias, perfis sociais na internet e em outras situações, sempre usamos uma senha para proteger nossos dados.
O desafio matemático de número 23, é sobre senhas. Contas bancárias, perfis sociais na internet e em outras situações, sempre usamos uma senha para proteger nossos dados. Você já parou para pensar quantas senhas um determinado sistema pode gerar? Calma, este artigo não pretende mostrar isso, mas propor um desafio neste tema.

No mundo cibernético é mais comum o uso de senhas. Qualquer blog/site na internet, dispõe uma caixa de login para seu usuário. Esse professor que vos fala administra 118 senhas na internet.

Vamos ao DM #23

 Nível: Médio 

Helder criou uma senha para proteger seus documentos no computador de sua família, já que o PC não é usado somente por ele. Temendo que seus arquivos possam ser corrompidos, ele criou uma senha composta por três dígitos, de 0 a 9, seguido por uma letra de um alfabeto que contém 26 letras. A repetição de dígitos é permitida.

Qual o número de senhas diferentes que podem ser criadas?
Desafio matemático #23

Deixe sua resposta devidamente fundamentada, através de algum cálculo aritmético ou algébrico. Para evitar que algum leitor deixe de responder, publicarei os comentários no próximo sábado (15/06) na ordem de envio.

Boa diversão! :D

Conteúdos:


Edigley Alexandre

Edigley Alexandre

Graduado em Matemática pelo DME na UERN em 2007, leciona Geometria, Matemática e Física. Blogueiro Part-Time desde 2007. Membro do Google+ Create em Português. Seu interesse é compartilhar conhecimento matemático interligado à Tecnologia da Informação e Comunicação, assim como artigos de opinião sobre Educação, Matemática e Educação Matemática.

Os comentários serão moderados pelo autor do blog. Respondo todas as segundas-feiras, terças-feiras e finais de semana.

É muito bom ler comentários, porém atente para algumas regras muito importantes antes de enviar a sua colaboração para este artigo.


Comente este artigo:

0 comentários: