O desafio matemático de número 32 é de caráter puramente algébrico: Encontre o valor numérico de F.
Desde o início dos desafios matemáticos publicados no blog, eles sempre se alternaram entre desafios algébricos e geométricos. São dois ramos da Matemática que caminham lado a lado e que são ideais para se construir alguns passa tempos como estes.

É uma brincadeira divertida que muitos gostam, e até fazem isso nos seus finais de semana. Estes desafios, além de exercitar os conteúdos estudados no Ensino Fundamental e Médio, eles também estimulam fortemente o raciocínio lógico, forçando o cérebro a trabalhar em prol de um objetivo. Isso é muito sadio.

O desafio matemático de número de 32, você deverá exercitar um pouco sobre Álgebra, afim de encontrar a solução para o problema.

 Nível: Médio/Superior 

O desafio é simples e não tem um enunciado complicado. O objetivo é descobrir qual o valor numérico de F, quando o valor numérico de é igual a 0,2.

Desafios matemáticos #32

Deixe um comentário neste artigo com a sua resposta devidamente fundamentada. Respostas diretas e sem justificativas serão publicadas, mas não aceitas como solução.

Para melhor entendimento, recomendo escrever sua solução em algum editor LaTeX, como fez o Cleyton Muto no DM31, e colar o link com os seus cálculos no seu comentário. Existem várias maneiras de usar esse tipo de editor.

Bom divertimento! :D

Conteúdos:


Edigley Alexandre

Edigley Alexandre

Graduado em Matemática pelo DME na UERN em 2007, leciona Geometria, Matemática e Física. Blogueiro Part-Time desde 2007. Membro do Google+ Create em Português. Seu interesse é compartilhar conhecimento matemático interligado à Tecnologia da Informação e Comunicação, assim como artigos de opinião sobre Educação, Matemática e Educação Matemática.

Os comentários serão moderados pelo autor do blog. Respondo todas as segundas-feiras, terças-feiras e finais de semana.

É muito bom ler comentários, porém atente para algumas regras muito importantes antes de enviar a sua colaboração para este artigo.


Comente este artigo:

0 comentários: