A maioria das pessoas adoram estudar Matemática e utilizá-la em seu dia a dia (mentira rsrs). Seria fantástico se fosse uma realidade. Geralmente elas gostam da Matemática quando elas se sentem pressionadas ou quando realmente não há outra saída. Nesta hora todo mundo adora usar a Matemática ou o termo Matemática em tudo que é situação.
A maioria das pessoas adoram estudar Matemática e utilizá-la em seu dia a dia (mentira rsrs). Seria fantástico se fosse uma realidade. Geralmente elas gostam da Matemática quando se sentem pressionadas ou quando realmente não há outra saída (não me interprete mal, perceba o contexto descontraído). Nesta hora todo mundo adora usar a Matemática ou o termo Matemática em tudo que é situação.

Alguns exemplos simples para começar:
  • Público segmentado;
  • Círculo de amizades;
  • Fração de segundos;
  • Em função do seus constantes atrasos, você está despedido;
  • Ele é de uma gentiliza ímpar;
  • Houve um crime aqui! Cerquem o perímetro em um quarteirão.

Para entender melhor, eu utilizo um produto da Google chamado Google Alerts (Google Alertas). Ele me avisa sobre a publicação de artigos em blogs e grandes portais, de acordo com a palavra que escolhi, que é mostrado quase em tempo real em minha caixa de entrada.

Como professor de Matemática, adicionei a palavra Matemática para acompanhar todos os dias, entre outras. São dezenas de e-mails que recebo por dia com alertas matemáticos.

Apenas por curiosidade levantei alguns dados e publico agora neste post apenas por puro entretenimento. Por que curiosidade? Ora, 90% das notícias que recebo pelo Google Alerts é sobre futebol. O que tem a ver futebol e Matemática? Continue lendo.

Algumas notícias são engraçadas, outras sem fundamento e outras percebo que o jornalista nunca estudou Matemática. A situação mais comum que leio todos os dias, como já disse, é sobre futebol. Vejamos algumas citações destacadas em negrito.

Matemática e futebol não combinam. Aquela é determista (acho que ele quis dizer determinista), este lida com emoção. Mas a coexistência é pacífica, embora incômoda. A Chapecoense que o diga: não aguentava mais fazer contas para emplacar a Série A.

Não entendi nada! (risos) Mas, como assim a Matemática e futebol não combinam? Futebol e Matemática caminham lado a lado, a começar pelo objeto de formato esférico que os jogadores chutam, tentando cansativamente acertar outro objeto de formato retangular cravado no chão (campo) cujas dimensões retangulares variam entre alguns países.

Em outras palavras, chutar a bola até fazer um gol, e este é contabilizado usando algarismos indo-arábicos. As estatísticas de um jogo de futebol é pura Matemática. Desde a preparação física dos atletas até a pontuação que é feita para destacar o campeão tem Matemática. Afinal, o saldo de gols é um pequeno cálculo matemático.

Outros elementos? Basta ver esta imagem.

A Língua Portuguesa adora termos matemáticos

Continuando com as citações.
A vaga matemática ainda não chegou, falta o resultado do jogo entre Ceará e Avaí, às 21h50min, que precisa acabar em empate. Porém pouco importa.

Ah agora o jornalista acredita na Matemática? (risos)

Não há catástrofe, não há terror, não há drama. Pelo contrário, os pontinhos que a intrusa matemática ainda pode exigir são um nada diluído na emoção de uma nação catarinense.

Enfeitou muito, mas não gostei deste comentário.

Estas três citações foram extraídas de um mesmo texto. Não vou colocar o link aqui, nem das demais citações. Pesquise por Chapecoense vence o Paraná e fica muito perto de comemorar o acesso à Série A.

Agora leia alguns títulos de notícias que selecionei. Todas sobre futebol. Todas usam o termo Matemática. Não é estranho e engraçado?
  • Série A-2: A matemática do ‘desespero’.
  • Comercial tenta transformar vaga virtual em matemática.
  • Empates do Inter desafiam a matemática.
  • Se a visão do matemático é pessimista, o técnico Vanderlei Luxemburgo prefere pensar no que vai acontecer jogo a jogo.
  • Para o cruzeiro a matemática se mostra a favor quando o assunto é a sonhada vaga na libertadores.
  • Matemático vê chance real de Cruzeiro ser campeão com mais 6 vitórias em 14 jogos.
  • Matemática ainda permite sonhar, mas Grêmio se mantém distante do Cruzeiro.
  • Argel evita a matemática para falar sobre as chances do Criciúma: “Não sou bom em contas”.
  • Matemática aponta Náutico com 99,9% de chances de ser rebaixado.
  • Régis tem matemática simples para três jogos do Dragão: 'Nove pontos'.
  • Náutico tenta evitar confirmação matemática da queda.
  • Com matemática simples, Corinthians tenta repetir sequência. (que decepção!)
  • Na luta contra matemática, ASA bate o Guaratinguetá por 2 x 1 e deixa a lanterna.
  • De camarote, Raposa vê a matemática dos outros.
  • Coelho desafia matemática e tenta manter vivo o sonho de acesso diante do Joinville.
  • Confira a matemática para o título.
  • A matemática da final: O Furacão depende de uma vitória simples no Maracanã

Se pra quem entende um pouco de futebol é motivo para dar algumas risadas, imagina quem não entende. Espero que tenha se descontraído um pouco com este post, assim como eu. Você consegue citar outras frases comuns do nosso dia a dia que utilizamos algum termo referente a Matemática?

Deixe um comentário com suas citações.

Uma imagem para encerrar.

Edigley Alexandre

Edigley Alexandre

Graduado em Matemática pelo DME na UERN em 2007, leciona Geometria, Matemática e Física. Blogueiro Part-Time desde 2007. Membro do Google+ Create em Português. Seu interesse é compartilhar conhecimento matemático interligado à Tecnologia da Informação e Comunicação, assim como artigos de opinião sobre Educação, Matemática e Educação Matemática.

Os comentários serão moderados pelo autor do blog. Respondo todas as segundas-feiras, terças-feiras e finais de semana.

É muito bom ler comentários, porém atente para algumas regras muito importantes antes de enviar a sua colaboração para este artigo.


Comente este artigo:

0 comentários: