A equipe da Coréia do Sul seguida por China e Vietnã foram as primeiras colocadas na 58ª edição da Olimpíada Internacional de Matemática (IMO 2017) que aconteceu pela primeira vez no Rio de Janeiro.
A equipe da Coréia do Sul seguida por China e Vietnã foram as primeiras colocadas na 58ª edição da Olimpíada Internacional de Matemática (IMO 2017) que aconteceu pela primeira vez no Rio de Janeiro, entre os dias 12 e 23 de julho. A edição no Rio contou com a participação de 111 países e 615 competidores.

Quadro de medalhas - IMO 2017

1º) Coréia do Sul: 6 medalhas de ouro, 0 de prata, 0 de bronze e nenhuma menção honrosa.
2º) China: 5 medalhas de outro, 1 de prata, 0 de bronze e nenhuma menção honrosa.
3º) Vietã: 4 medalhas de outro, 1 de prata, 4 de bronze e nenhuma menção honrosa.
4º) Estados Unidos (campeão da IMO 2016): 3 medalhas de outro, 3 de prata, 0 de bronze e nenhuma menção honrosa.
37º) Brasil: 0 medalhas de outro, 2 de prata, 1 de bronze e 3 menção honrosa.

Os asiáticos são os campeões da 58ª Olimpíada Internacional de Matemática (IMO 2017) no Rio de Janeiro

Na IMO 2016 o Brasil ficou em 15º colocado no rank de países medalhistas com: 0 medalhas de ouro, 5 de prata, 1 de bronze e nenhuma menção honrosa.

Se for fazer alguma piada, por favor resolva a prova da última edição.

Todas as provas da IMO em português do Brasil (1959 - 2017*)

Agrupei nesses arquivos todas as provas que os competidores foram submetidos. Separei por ano de participação. As provas estão no formato PDF. Já lancei aqui no blog como um desafio matemático, um das questões da IMO e obtive uma bela resposta.

IMO-2006 IMO-2008 IMO-2009 IMO-2010 IMO-2011
IMO-2012 IMO-2013 IMO-2014 IMO-2015 IMO-2016
IMO-2017

* De 1959 a 2005 (exceto 1979) não tinha a versão da prova em português do Brasil. De 2006 a 2017, apenas em 2007 não teve a prova em português do Brasil.


Primeira participação do Brasil

O Brasil teve sua primeira participação em 1979, na 21ª IMO em Londres. Neste ano foram 23 países participantes e 166 estudantes inscritos, infelizmente sem medalhas. Ver prova em português do Brasil.


Ranking brasileiro de medalhas

Desde a primeira participação, o Brasil coleciona 9 medalhas de ouro, 41 de prata, 72 de bronze e 29 menções honrosas. A primeira medalha (e de ouro) foi alcançada em 1981 por Nicolau Corçao Saldanha.

O matemático Artur Avila, premiado com a Medalha Fields em 2014,  marcou presença na IMO 1995 e levou uma medalha de ouro (com 16 anos de idade). A última medalha de ouro foi conquistada por Rodrigo Sanches Angelo na IMO 2012.


Hall da fama (até 2017)

O maior ganhador de medalhas na IMO é o canadense Zhuo Qun (Alex) Song. Ele participou de 6 edições da IMO ganhando 5 medalhas de ouro e 1 de bronze. Seguido da sérvio Teodor von Burg e da alemã Lisa Sauermann, com 4 medalhas de outro cada.

Não consta brasileiros na lista, visto que, obviamente, quanto mais participações nos eventos mais chances de medalhas.

Com informações de www.imo-official.org.

Edigley Alexandre

Edigley Alexandre

Graduado em Matemática pelo DME na UERN em 2007, leciona Geometria, Matemática e Física. Blogueiro Part-Time desde 2007. Membro do Google+ Create em Português. Seu interesse é compartilhar conhecimento matemático interligado à Tecnologia da Informação e Comunicação, assim como artigos de opinião sobre Educação, Matemática e Educação Matemática.

Os comentários serão moderados pelo autor do blog. Respondo todas as segundas-feiras, terças-feiras e finais de semana.

É muito bom ler comentários, porém atente para algumas regras muito importantes antes de enviar a sua colaboração para este artigo.


Comente este artigo:

0 comentários: