Matemático inglês mais conhecido como o pai da Ciência da Computação, Alan Mathison Turing.
O dia de hoje não poderia passar em branco, sem nenhuma homenagem através do imenso campo da internet, ao matemático inglês mais conhecido como o pai da Ciência da Computação, Alan Mathison Turing.

Destaco neste artigo, um vídeo documentário chamado "Máquina de Turing em LEGO", a homenagem da Google, alguns fatos históricos sobre este matemático, um documentário em dois vídeos e algumas fotos.

Matemático do dia: Alan Mathison Turing


Nasceu em 23 de junho de 1912 em Londres, Inglaterra.
Faleceu em 07 de junho de 1954 em Wilmslow, Cheshire, Inglaterra.

Máquina de Turing em LEGO

Este é um curto documentário sobre a Máquina de Turing em LEGO construído por Jeroen van den Bos e Landman Davy no Centrum Wiskunde & Informatica (CWI), Amsterdam (Holanda). Eles construíram-lo para exposição do CIT do "Erfenis Turings", em homenagem ao centenário de nascimento de Alan Turing.

Mais informações: www.legoturingmachine.org

LEGO Turing Machine from ecalpemos on Vimeo.

Homenagem da Google

Bela homenagem da Google comemorando o 100º aniversário de Alan Turing. A proposta da Google é muito interessante nesta homenagem. Para quem é leigo em informática e nunca ouviu falar em Turing, o vídeo logo abaixo entenderá melhor esse Doodle.

Algumas curiosidades e fatos históricos

Alan Turing nasceu em Paddington, Londres. Seu pai, Julius Mathison Turing, era um membro britânico do Serviço Civil Indiano e ele foi muitas vezes no exterior. Mãe de Alan, Ethel Sara Stoney, era filha do engenheiro-chefe das ferrovias Madras e os pais de Alan se conheceram e se casaram na Índia. Quando Alan tinha cerca de um ano de idade sua mãe ficou com o marido na Índia, deixando Alan na Inglaterra com os amigos da família. Alan foi enviado para a escola, mas não parece ser a obtenção de qualquer benefício que ele foi retirado da escola depois de alguns meses.

Ele foi criticado por sua letra, esforçou-se em Inglês, e até mesmo em Matemática, ele estava muito interessado com suas próprias idéias para produzir soluções para problemas usando os métodos ensinados pelos seus professores. Apesar de produzirem respostas não convencionais, Turing ganhou quase todos os prêmios matemáticos possíveis, em Sherborne. Em química, ele realizou experimentos seguindo seu próprio roteiro que não agradou sua professora.

Turing aprendeu Matemática avançada na escola, embora os professores não eram provavelmente ciente dos estudos que ele estava fazendo por conta própria. Ele leu os artigos de Einsteins sobre a relatividade e também leu sobre mecânica quântica em Eddington's A natureza do mundo físico.

Apesar dos anos escolares difíceis, Turing entrou na Kings College, Cambridge, em 1931, para estudar Matemática. Isso não foi conseguido sem dificuldade. Turing fez os exames de admissão em 1929 e ganhou uma exposição, mas não uma bolsa de estudos. Não satisfeito com este desempenho, ele levou os exames novamente no ano seguinte, desta vez ganhou uma bolsa de estudos. 

De muitas maneiras, Cambridge era um lugar muito mais fácil para as pessoas não convencionais, como Turing que a escola tinha sido. Ele agora era muito mais capaz de explorar suas próprias idéias e leu Russell's Introdução à filosofia matemática em 1933. Na volta da mesma época ele leu von Neumann's texto de 1932 sobre a mecânica quântica, um assunto que ele voltou para uma série de vezes ao longo de sua vida.

O ano de 1933 viu o início do interesse de Turing em lógica matemática. Ele leu um artigo para o Clube de Ciência na Universidade de Cambridge.

Turing se formou em 1934, em seguida, na primavera de 1935, ele participou de Max Newman's Curso avançado sobre os fundamentos da matemática. Este curso estudado Gödel's resultados da incompletude e de Hilbert's pergunta sobre decidibilidade. Em um sentido "decidibilidade" era uma questão simples, ou seja, dada uma proposição matemática poderia alguém encontrar um algoritmo que decida se a proposta era verdadeiro ou falso.

Enquanto em Princeton Turing tinha jogado com a ideia de construir um computador. Uma vez de volta a Cambridge em 1938, começando a construir um dispositivo analógico mecânico para investigar a hipótese de Riemann, que muitos consideram hoje o maior problema não resolvido na matemática.

Turing voltou para Cambridge para o ano letivo 1947/48, onde seus interesses variaram ao longo de muitos temas distantes a partir de computadores ou matemática, em particular, ele estudou neurologia e fisiologia. 

Ele não se esqueceu dos computadores durante esse período, no entanto, ele escreveu um código para programação de computadores. Ele tinha interesses fora do mundo acadêmico também, tendo tomado o atletismo a sério após o fim da guerra. Ele era um membro da Walton Athletic Club. Ele correu na Maratona de AAA em 1947 e foi quinto colocado.

Turing morreu de envenenamento por cianeto de potássio durante a realização de experimentos de eletrólise. O cianeto foi encontrado em uma maçã comida pela metade ao lado dele.

Trechos traduzidos da biografia de Alan Mathison Turing em groups.dcs.st-and.ac.uk. (inglês)

Leia fatos curiosos e fotos sobre este brilhante matemático em www.turing.org.uk.

Documentário

Parte 1


Parte 2

[Vídeos incorporado de youtube.com/user/pcna]

Algumas fotos

Alan Turing com dois colegas e um computador Ferranti em janeiro de 1951.

Imagem: BBC

Monumento em Manchester, UK.








Alan Turing esportista.




Máquina de Turing.


O que seria do mundo moderno sem suas grandes ideias...
Edigley Alexandre

Edigley Alexandre

Graduado em Matemática pelo DME na UERN em 2007, leciona Geometria, Matemática e Física. Blogueiro Part-Time desde 2007. Membro do Google+ Create em Português. Seu interesse é compartilhar conhecimento matemático interligado à Tecnologia da Informação e Comunicação, assim como artigos de opinião sobre Educação, Matemática e Educação Matemática.

Os comentários serão moderados pelo autor do blog. Respondo todas as segundas-feiras, terças-feiras e finais de semana.

É muito bom ler comentários, porém atente para algumas regras muito importantes antes de enviar a sua colaboração para este artigo.


Comente este artigo:

1 comentários: